14 regras para seguir e ser um influenciador nas redes sociais

o Marketing de Influência tem se tornado cada vez mais um canal eficaz de comunicação entre os consumidores e as empresas hoje em dia.

Um estudo de 2014 da Augure definiu os influenciadores segundo 3 características a seguir:

  • Para 79% dos entrevistados, os influenciadores são capazes de mobilizar as opniões e despertar reações.
  • Para 73% dos entrevistados, os influenciadores tem uma grande comunicade online focados em assuntos específicos.
  • Para 62% dos entrevistados, os influenciadores tem uma parte importânte na voz do sujeito abordado.

O impacto dos influenciadores em campanhas de marketing continua a aumentar gradativamente. Eles são vistos como líderes, especialistas no campo, os parceiros mais eficazes para espalhar a mensagem da sua marca e gerar negócios.

Mas como chegar a esse status? Quais são os passos para se tornar um influenciador?

O site BrandWatch pediu a ajuda de 14 influenciadores franceses da área de marketing digital, e eu fiz a tradução aqui para o InformacaoTech.com.

Eles responderam a seguinte pergunta:
“Se você tem que dar conselhos para se tornar um(a) influenciador na web, qual seria?”

Veja os conselhos abaixo:

Isabelle Mathieu Construir e Amplicar sempre

Para se tornar um influenciador, siga esses 4 conceitos:

  • Construir uma comunidade online para aumentar sua voz afim de aumetar sua audiência.
  • Impulsionar o seu conteúdo trabalhando notoriamente no engajamento no meio da sua comunidade.
  • Torne-se uma autiridade dentro do seu ramo, produzindo conteúdo que testemunhe seu conhecimento.
  • Seja único e notável.

Christophe Ramel Seja construtivo

Para se tornar um influenciador eu penso que:

A experiência (com base no conhecimento e experiência) é necessariamente um dos pré-requisitos mais importante, mas certamente não é uma garantia de sucesso. O mais importante é, sem sombra de dúvidas, o comportamento, a visão que irá desenvolver sobre seu negócio e do ambiente em que ele está localizado. É claro que eu poderia recomendar para ser transparente, autêntico e acessível, que é basicamente uma resposta essencial para uma atividade “social”, mas é apenas o óbvio. Além disso, eu quero também recomendar:

  • Para ser sempre construtivo, e banir qualquer ação destrutiva. É melhor cem vezes mais um conselho que uma critica, cuidar e aproximar de um conflito que se moverá nem para o autor nem a vítima. A vida é muito mais bonita quando você pensa na “solução” e não no “problema”, e eu acho que contribui manifestamente para a influência de um influenciador que está a vir.
  • Procure sempre estar se incomodando, dessa forma é possível evitar as situações de conforto que cultivam o imobilismo. Nâo pare no comodismo, procure sempre progredir. Aqueles que se destacam são, naturalmente, aqueles que fazem a maior parte do esforço, que gastam muita energia para satisfazer o seu público, para descobrir coisas novas.

Yann Gourvennec Demonstre seu interesse pelos outros

Para se tornar um influenciador da Rede Social, não canse de procurar pelo futuro:

Seja você mesmo, esteja interessado nos outros, seja educado (e amável) e sobressaia no desempenho do seu negócio. Em seguida, o público vai contatá-lo e falar sobre você.

 

Frédéric Canevet Defina o seu posicionamento

Ser um influenciador tem se tornado cada vez mais difícil.

É como pergutnar a um cantor “Como se tornar um astro do Rock?” pois os influenciadores são verdadeiras estrelas, eles tem curtidas, eles tem audiência, eles tem uma imagem. Como podemos nos tornar um superstar, temos que trabalhar, ter boas iadeias e um pouco de talento!

Eu diria que a primeira coisa é definir seu posicionamento. Não procure ser “generalista” mais especialista em alguma coisa. É sempre mais fácil (e requer menos esforço) ser um expert em um assunto e isso te permitirá ser a referência sobre um determinado assunto.

Camille Jourdain Divulgue o que você sabe

A chave para se tornar um influenciador é de transmitir o que você sabe, de compartilhar tudo que você já aprendeu e conhece. Concretamente, existem 3 pontos a saber de cor: Divulgar a boa informação, no momento certo e no local certo.

  • Compartilhar uma informação pertinente: Um influenciador procura divulgar conteúdos interessantes para seus seguidores. Respeitando a sua linha editorial para não perder seguidores.
  • Compartilhar no bom momento: um influenciador divulga seu conteúdo seja no blog, seja nas redes sociais respeitando o bom momento para seus seguidores. De preferência na hora que eles estão conectados.
  • Compartilhar no lugar certo: os blogs são normalmente o melhor lugar para colocar conteúdos. Sempre deve manter no blog o seu centro do conteúdo, utilizar as redes sociais para trazer informações, mas sempre fidelizando no blog.

Matthieu Etienne Seja sempre fiel

Para mim, tornar-se um “influenciador” não é um fim em si mesmo.

É quando somos bons em algum assunto e isso de pouco em pouco nos torna referência. Então é essencial encontrar o seu assunto, dessa forma não deixar de ser a referência para sua rede e sua comunidade. Alterar muito a sua linha editorial, ou seja o seu conteúdo, pode causar uma má impressão dentre sua rede social e isso irá perder a credibilidade entre seus seguidores.
Enfim se você encontrar o seu assunto preferido, fique nele, por um bom tempo, assim irá fidelizar cada vez mais pessoas, assim se tornando influenciador.
Nas redes sociais, ser um influenciador é muito superficial, que pode se evaporar a qualquer momento.

Olivier Cimelière  Seja autêntico

Autenticidade! É a palavra que me vem em mente, espontaneamente por vários motivos:
De início precisamos parar de acreditar que um influenciador é uma pessoa com muitos seguidores. Os números nesse caso não querem dizer muita coisa, pois podem ser usuários fantasmas. É a qualidade dos perfis que escolhem te seguir, que leem seus conteúdos e compartilham, fazendo assim que seja mais influente.

Depois disso, um influenciador é alguém que conhece seu assunto, carrega informações capazes de somar com o conteúdo apresentado. Não é porque você apareceu uma vez nas redes sociais que você vai ser influente.

Nada é para sempre nas redes sociais.

Daí o esforço constante e sincero para fornecer conteúdo, independentemente da forma que atendam às expectativas de um público e também para ouvir e falar com o mesmo público.!

Clément Pellerin Seja Abaixonado

Para se tornar uma pessoa influente nas redes sociais é preciso:
Ser o mais apaixonado pelo tema que você optou por falar. O reconhecimento pelos seguidores e construir uma comunidade em torno de uma pessoa leva tempo, anos na maioria dos casos. Muitas pessoas desistem após o primeiro mês, os influenciadores hoje são aqueles que nunca desistiram.

 

 

Alban Jarry Seja influente IRL

Não há nenhuma regra ou conselho para se tornar um influenciador na rede social como todos podem ser ocasionalmente, ao falar um assunto, pode também não ser ao falar o mesmo assunto. A influência tem algo inatingível ou mesmo mítico. A influência é difícil de se materializar.
Com a rede social, a influência tornou-se uma moda e uma maneira de encarnar uma moda é preciso algumas pessoas para isso. Influenciadores são um reflexo de um mundo que é construído por motores de pesquisa. Não devemos esquecer que há pouco tempo, a influência era vista como um termo negativo. E ela rapidamente virou-se positiva, para se tornar um exemplo.
Hoje, na web social, há uma busca frenética por influenciadores. A web social mudou as regras sobre a influência que provavelmente era democratizada. Uma coisa surpreendente, o Wikipedia não tem nenhuma definição direta de influenciador e se refere à definição de “líderes de opinião”. Influenciadores estão lá realmente assim, ou eles estão apenas no mundo virtual da web social? É difícil definir com precisão.
Na época do aniversário de 10 anos de Twitter Omar Akhtar, um analista disse sobre o Twitter e Donald Trump: “Eu tenho certeza que a maioria de seus fãs não estão no Twitter, mas eles sabem o que diz Trump no Twitter” e “A rede tem uma vida para além da sua própria plataforma”.
O influenciador da web social é provavelmente a pessoa que consegue ter um impacto fora da web social sobre um tema que ele compartilhou.

Anthony Rochand Seja fisicamente presente

Para se tornar um influenciador nas redes sociais, é preciso:
Misture-se com as conversas na sua área de especialização ou mesmo “viralize” conversas por trazer ideias com um valor acrescentado, relevantes e inovadores.
Há uma diretriz principal a ser reconhecida como influenciador, (porque a influência do marketing não ocorre por redes digitais) é atender fisicamente com os indivíduos em uma comunidade em conferências estratégicas e participar de discussões. Se você não pode ir a grandes eventos, começando em tamanhos menores ou intermediários de sessões de clube de negócios, a prescrição começa lá.

Catherine Cervoni Seja curioso

Para se tornar um influenciador nas redes sociais, é preciso:

Ser apaixonada por um ou mais tópicos e ser curioso. Esta curiosidade vai empurrá-lo para mantê-lo informado e testar todos os novos produtos para adquirir experiência real. Dessa forma você adicionará mais gosto ao seu compartilhamento notavelmente sobre as redes sociais. Divulgar suas descobertas assim que sair vai atrair pessoas que gostam de ser o primeiro a saber.

Dê sua opinião sobre redes sociais e através de seu conteúdo publicado em suas contas sociais, meios de comunicação ou seu blog.
Criar conteúdo rico, interessante e torná-lo amplamente divulgado é inútil se não for lido. O segredo do influenciador é a sua capacidade de unir a comunidade e para o que ele é, naturalmente, interessado em outra, interage e se comunica com eles, responde às suas perguntas ou comentários possíveis, e ajuda sempre que pode. O influenciador sabe instintivamente criar um link com o mundo real, porque ele é consciente da importância da dimensão humana, mesmo que a web é um mundo “virtual”.
É preciso entender que é preciso influenciar os que o seguem e o apoiam: esses são os verdadeiros influenciadores.

Philippe Khattou Qualidade, interação e autenticidade.

Eu não acredito que exista quaisquer receita para se tornar um influenciador nas redes sociais.
Cada grupo de interesse reage com as suas regras e o mais importante é entender e implementá-las de forma inteligente. Na minha área de especialização, eu tento respeitar ao máximo os seguintes princípios:

  • Oferecer conteúdo de qualidade e adotar uma linha editorial real.
  • Tenha consciência das especificações de cada plataforma social e o público que a fazem acontecer.
  • Tente o máximo possível de não se tornar um spammer na comunidade ao compartilhar muito conteúdo da mesma informação.
  • Interagir com a comunidade, compartilhando sua experiência, mas também às suas perguntas, a sua opinião, etc.
  • Ter uma atividade regular na web social (mas não demorado) e otimizado com alguns serviços da web, mas sem cair na automação, a qualquer preço).
  • Ser sempre acessível e autêntico, porque a influência social pode inflar alguns egos.
  • Evitar certas práticas enganosas … tudo o que é conhecido na web ou, eventualmente, encontrar-se com efeitos desastrosos sobre a sua reputação online.

Laurent Bour Nâo procurar se tornar influente.

É difícil dar conselhos para definir a influência.

Eu acho que você precisa se manter como você realmente é, não é porque você quer ser um influenciador que terá qu ser perfeito, existem erros que possam surgir e é bom que apareçam para quem te segue.

É também importante compartilhar outras coisas que você não costuma postar nas redes sociais. Mostrar que você também é um humano normal. Isso já é uma coisa para começar bem o seu lado de influenciador. Eu prefiro muito mais ser tratado como simpático do que como influenciador, pois a simpatia exige um relacionamento, enquanto que influenciador basta o interesse pelo conteúdo.

Cyril Bladier Seja visto e fale com os outros

Aqui esta um bom exemplo do qué ser influenciador:

Quando meu segundo livro foi publicado, um superstar francês o recomendou nas mídias sociais, no seu Twitter, tendo milhares de dezenas de seguidores. Qual foi o impacto sobre as vendas? Nada, nenhum exemplar vendido a mais por conta disso.

Não tem como ser influente porque se quer isso.

Ninguém é totalmente influente: ou se é influente sobre um tema específico, ou dentro de algum circulo de amizade.
Infuência não é audiência: Ter muitos seguidores não significa necessariamente ser influente. Com 15.000 seguidores, eu sou mais influente no meu assunto do que muitos colegas que tem o dobro de seguidores.

Ser influente é a capacidade de fazer os outros reagirem a algo. Mas para isso não é necessário que fiquemos publicando a todo e qualquer momento um monte de coisa nas redes.
Uma chave da influência é o fato de engajar as comunidades. É necessário falar com os outros, não falar de si. É responder a todos e agradecer mesmo que você tenha somente 15 seguidores. É ter uma linha editorial só, clara e não ficar enrolando.

« Melhor 100 pessoas que te ama verdadeiramente, que um milhão que te ama um pouco de longe. Brian Chesky, co-fundador do Airbnb.

 
Essa frase final demonstra bem que a quantidade não é a qualidade, você pode ter milhões de seguidores, mas não ser tão influente como quem tem poucos seguidores, mas esses são fieis.

E ai? Gostou do post ? Concorda com os entrevistados? então siga o informacaotech.com feed, twitter, facebook, telegram.

Fonte [www.brandwatch.com]

Sou alguém apaixonado por tecnologia, empreendedorismo, redes sociais, Twitter, estatística e administração.
Superintendente de Internet na Canção Nova

One thought on “14 regras para seguir e ser um influenciador nas redes sociais

  1. Concordo com a maiora dos pontos. Hoje em dia com tantas contas e tanta diversidade não basta apenas ser bom e postar fotos com qualidade, uma pessoa tem que se conseguir destacar dos demais de forma inteligente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *